Linguagens

Níveis

Ajuda ao Vivo Através do Chat

 

Sobre este Site

Bem-vindo ao site eLearning da New Muslims. Este site é para muçulmanos recém-convertidos que desejam aprender sua nova religião de uma maneira fácil e sistemática. As aulas estão organizadas em níveis. Então, primeiro vá para a lição 1 do nível 1. Estude-a e depois faça o seu teste. Quando for aprovado, vá para a lição 2 e assim por diante. Felicidades.

Comece Aqui

É altamente recomendável registrar-se para que suas notas e progresso sejam salvos.  Então, primeiro registre-se aqui, depois comece com a lição 1 no nível 1 e daí em diante passe para a próxima lição. Estude ao seu gosto. Cada vez que retornar a este site, clique no botão “Leve-me onde estava” (disponível apenas para usuários registrados).

Ações que correspondem à natureza humana (sunan ul-fitrah)

Descrição: Esta lição ensinará sobre os atos naturais de purificação que são inerentes à natureza humana.

Por Imam Mufti (© 2013 NewMuslims.com)

Publicado em 30 Dec 2019 - Última modificação em 25 Jun 2019

Impresso: 5 - Enviado por E-mail: 0 - Vizualizado: 367 (média diária: 1)

Categoria: Lições > Estilo de Vida, Valores Morais e Práticas Islâmicas > Valores Morais e Práticas Gerais


Objetivos:

·       Aprender o significado de “sunan al-fitrah”.

·       Aprender seis das “sunan al-fitrah” em detalhes.

Termos em àrabe:

·       Fitrah – Inerente à natureza humana.

·       Hadith -  (plural – ahadith) É um relato ou uma história. No Islam significa um registro narrativo dos ditos e ações do Profeta Muhammad e seus companheiros.

·       Wajib – Obrigatório.

·       Salah – Palavra árabe que denota uma ligação direta entre o crente e Allah. Mais especificamente, no Islam, refere-se às cinco orações diárias formais sendo ela a mais importante forma de adoração.

·       SunnahA palavra Sunnah tem vários significados segundo a área de estudo; contudo o significado que geralmente se lhe atribui é: palavras, ações e aprovações do Profeta.

O que é sunan al-Fitrah

Sunan al-Fitrah são:

·       praticas naturais em concordância de como Allah criou os seres humanos e os incentivou a segui-las. São naturais e inerentes.

·       também são práticas que foram seguidas e ensinadas por todos os profetas. Allah nos ordenou que sigamos as orientações dos profetas, ‘São aqueles que Allah iluminou. Toma, pois, seu exemplo’ (Alcorão 6:90).

Human_Nature_Sunan_al-Fitra_1.jpgCumprir com estas práticas asseguram a higiene do corpo e a eliminação das sujeiras e das impurezas. Elas aumentam a honra dos seres humanos e estão listadas nos dois seguintes ahadith do Profeta:

“Cinco são das práticas naturais: circuncisão, raspar os pelos púbicos, cortar o bigode, cortar as unhas e depilar os pelos das axilas.”[1]

“São dez as práticas naturais: aparar o bigode, deixar a barba crescer, limpar os dentes, (limpar) colocar água no nariz, cortar as unhas, lavar entre os dedos e as articulações dos dedos, depilar os pelos das axilas, raspar os pelos púbicos, usar água para limpar as partes privadas (após as necessidades fisiológicas).”[2]

Algumas sunan al-fitrah em detalhes

1.  Circuncisão

Para os homens, refere-se à remoção do prepúcio solto que cobre o pênis. A circuncisão evita que a sujeira penetre no pênis e facilita a sua limpeza. Um pênis não circuncidado pode sofrer de irritação crônica, infecção, fimose, parafimose, câncer peniano, lesões penianas e verrugas venéreas.

No caso das mulheres, significa o corte de uma pequena porção externa do clitóris, não sendo necessário tal procedimento; embora seja realizado em alguns países muçulmanos, especialmente na África. 

A circuncisão é recomendada para ser feita no 7.º dia após o nascimento da criança. No entanto, também é permitido a qualquer momento após isso. A circuncisão é melhor quando feita em tenra idade, pois cicatriza mais rapidamente. A circuncisão tardia torna-se necessária (wajib) quando se atinge a idade da puberdade, quando a ablução e a salah se tornam obrigatórias (wajib). Disse o Profeta Muhammad,

“Ibrahim circuncidou a si mesmo após os oitenta anos.”[3]

“E revelamos-te isto [ó Muhammad], para que adotes o credo de Abraão, o monoteísta, que jamais se contou entre os idólatras.” (Alcorão Nahl - 16:123)

Caso seja dificultoso para um novo muçulmano ser circuncidado devido sua idade, então ele não deverá ser forçado. A circuncisão em adultos é feita por urologistas e seu preço varia conforme o país, seu período para cicatrização oscila entre uma ou duas semanas.

Ninguém deve ser circuncidado após a morte.

2.  Raspar os pelos pubianos e retirar os pelos das axilas

Os pelos púbicos podem ser raspados, aparados ou arrancados. A remoção dos pelos púbicos é uma sunnah consensual de todos os eruditos muçulmanos. Também é sunnah raspar os pelos púbicos, porém é permitido utilizar outros meios. Em outras palavras, é melhor retirar os pelos, porém é permitido utilizar outros métodos para remoção.

O Profeta fixou em 40 dias o tempo máximo para ficar sem se depilar. Caso cresçam antes do tempo, então, devem ser removidos.

3.  Cortar as unhas das mãos e dos pés

É uma sunnah consensual tanto para homens quanto as mulheres. O objetivo é remover a sujeira debaixo das unhas e também para que elas não fiquem parecidas com as garras dos animais. Uma mulher muçulmana também deve aparar as unhas das mãos e dos pés [pelo menos] a cada 40 dias, já que isso está mais próximo da sua natureza.

4.  Tirar os pelos das axilas

A sunnah é para retirar os pelos, contudo, a depilação é permitida, pois, o propósito é a limpeza.

5.  Cortar o bigode

A sunnah é para cortar o bigode. Pode ser feito aparando as bordas para que o lábio se torne visível ou aparando o bigode de qualquer lugar.

É preferível cortar os pelos púbicos, retirar os pelos das axilas, cortar as unhas e aparar o bigode semanalmente, sendo essa uma prática muito higiênica. Se algum pelo desnecessário for deixado no corpo por um longo período, isso pode perturbar a pessoa. Pode-se permanecer por 40 dias sem realizar essas ações, porém não mais que isso.

6.  Deixar crescer a barba e deixá-la volumosa

Ao contrário da percepção de algumas pessoas, uma barba é algo natural e uma barba grande não significa que a pessoa seja desalinhada ou descuidada. Disse o Profeta:

‘Diferenciem-se dos politeístas, deixem crescer a barba e aparem o bigode.’[4]

‘Diferenciem-se dos politeístas, aparem o bigode e deixem crescer a barba.’[5]

‘Cortem o bigode e deixem crescer a barba, e diferenciem-se dos magos [zoroastristas].’[6]

Esses ahadith indicam que é obrigatório (wajib) ter barba, e nisso há dois benefícios:

a.     diferenciar-se dos politeístas que geralmente não possuem barba.

b.     estar em conformidade com a inclinação natural humana (fitrah) sobre a qual Allah criou os seres humanos.

Manter uma “barba completa” (pelos na mandíbula e no queixo) é wajib (obrigatório) para um muçulmano.



Notas de rodapé:

[1] Sahih Al-Bukhari, Sahih Muslim

[2] Sahih Al-Bukhari, Sahih Muslim

[3] Sahih Al-Bukhari

[4] Em consenso

[5] Sahih Muslim

[6] Sahih Muslim

Teste e Navegação Rápida
Ferramentas da Lição
RuimÓtimo  Avalie
| More
Deixe-nos sua Opinião ou Pergunta

Além disso, você poderá perguntar através do chat ao vivo disponível aqui.