Carregando...

Reflexões sobre a Surah Al-Fatiha (parte 1 de 3)

Avaliação:

Descrição: Uma interpretação dos versículos mais recitados do Alcorão Sagrado. Parte 1: Tradução da Surah Al-Fatiha e o significado dos nomes dados a ela.

Por Imam Mufti

Publicado em 06 Dec 2019 - Última modificação em 25 Jun 2019

Impresso: 68 - Enviado por E-mail: 0 - Vizualizado: 4,635 (média diária:: 3)


Objetivos

·Entender o significado da Surah al-Fatiha em comparação a outras surahs do Alcorão.

·Entender a tradução da Surah al-Fatiha.

·Saber os nomes da Surah al-Fatiha e seus significados.

Termos em árabe

·Rakah - Unidade de oração.

·Surah - capítulo do Alcorão.

·Hadith - (plural – ahadith) É um relato ou uma história. No Islam, refere-se a um registro narrativo dos ditos e ações do Profeta Muhammad e seus companheiros.

Reflections_on_Surah_al-Fatiha_(part_1_of_3)_001.jpg

O Alcorão consiste em 114 surahs ou capítulos de tamanhos diferentes. A Surah al-Fatiha é a primeira surah do Alcorão e é recitada em cada rakah de toda oração como o Profeta, que Allah o enalteça, declarou:

“Não há oração (válida) sem o capítulo de abertura do Livro.” (Sahih Al-Bukhari e Sahih Muslim)

Ela foi revelada ao Profeta em Meca. De todos os versículos do Alcorão, Allah escolheu essa surah para lermos em todas as orações por alguma sabedoria divina. Quase todo muçulmano no mundo a tem memorizada. Quando uma pessoa aceita o Islam, a primeira coisa que ele ou ela memoriza é este capítulo de abertura - a Fatiha. Isto é para que possam fazer as orações prescritas. Seu significado deve ser aprendido e contemplado a cada vez que oferecemos o salah (oração ritual). Quando a pessoa recita a Surah al-Fatiha em seu salah (oração ritual), o Senhor dos céus e da Terra responde a cada versículo que ela diz!

Texto da Surah al-Fatiha

بِسْمِ اللهِ الرَّحْمنِ الرَّحِيمِِ
1. Em nome de Allah, O Misericordioso, O Misericordiador.

الْحَمْدُ للّهِ رَبِّ الْعَالَمِينَ
2. Louvor a Allah, O Senhor dos mundos;

الرَّحْمـنِ الرَّحِيمِ
3. O Misericordioso, O Misericordiador.

مَالِكِ يَوْمِ الدِّينِ
4. Soberano do Dia do Juízo!

إِيَّاكَ نَعْبُدُ وإِيَّاكَ نَسْتَعِينُ
5. Só a Ti adoramos e só de Ti imploramos ajuda.

اهدِنَــــا الصِّرَاطَ المُستَقِيمَ
6. Guia-nos à senda reta,

صِرَاطَ الَّذِينَ أَنعَمتَ عَلَيهِمْ غَيرِ المَغضُوبِ عَلَيهِمْ وَلاَ الضَّالِّينَ
7. À senda dos que agraciaste; não à dos incursos em Tua ira à dos descaminhados.

Nomes da Surah al-Fatiha e seus significados

Esta surah tem outros nomes como: A Abertura[1], a Essência do Alcorão[2], Os sete Versículos Frequentemente Repetidos[3], e o Glorioso Recital[4].

De fato, esta surah possui a essência do Alcorão e contém seus princípios e temas principais. Ela incorpora, de forma condensada, todos os princípios fundamentais estabelecidos no Alcorão: o princípio da unicidade e unidade de Deus, de Ele ser o criador do universo, a fonte de toda graça vivificante, Aquele a quem o homem é, em última instância, responsável, o único poder que pode orientar e ajudar; o princípio da vida após a morte e as consequências do comportamento do homem; o princípio da orientação através dos portadores da mensagem de Deus e, a partir dela, o princípio da continuidade de todas as religiões verdadeiras (implícitas na alusão às pessoas que viveram - e erraram - no passado); e, finalmente, a necessidade de se entregar à vontade do Ser Supremo e, portanto, de adorá-Lo sozinho. É por essa razão que essa surah foi formulada como uma oração, para ser constantemente repetida e refletida pelo crente.

Também é chamada de a Oração, como no hadith Profético[5]:

“Eu dividi a Oração (ou seja, a Surah al-Fatiha) em duas partes: uma para mim e outra para Meu servo, e Meu servo terá aquilo que pede. Quando o servo diz: 'louvor seja a Allah, o Senhor de todos os mundos', Eu digo: 'Meu servo me Louvou'. Quando ele diz: 'O Misericordioso, O Misericordiador', Eu digo: 'Meu servo Me exaltou'. Quando ele diz: 'Soberano do Dia do Juízo', Eu digo: 'Meu servo Me glorificou' ou 'Meu servo Diferenciou-Me'. Quando ele diz: 'Só a Ti adoramos e só de Ti imploramos ajuda', Eu digo: 'Isso é entre Mim e Meu servo, e ele terá o que Me pede'. Quando ele diz: 'Guia-nos à senda reta, à senda dos que agraciaste; não à dos incursos em Tua ira nem à dos descaminhados', digo: 'Isso é para o Meu servo, e ele terá o que pede.'” (Sahih Muslim)

Uma das razões pelas quais é chamada de Oração é porque a surah é parte de lembrança e parte de súplica. ‘Guia-nos à senda reta’ é uma súplica pelo maior presente que se pode pedir a Allah: orientação divina.



Notas de Rodapé:

[1] Sahih Al-Bukhari, Sahih Muslim

[2] Sahih Al-Bukhari, Sahih Muslim

[3] Sahih Al-Bukhari, Sahih Muslim

[4] Sahih Al-Bukhari

[5] Hadith Qudsi é um hadith onde o Profeta relata as palavras de seu Senhor.

Ferramentas da Lição
Ruim Ótimo
Fracassado! Tente mais tarde. Obrigado pela sua avaliação.
Deixe-nos sua Opinião ou Pergunta

Comente esta lição:: Reflexões sobre a Surah Al-Fatiha (parte 1 de 3)

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.

Além disso, você poderá perguntar através do chat ao vivo disponível aqui.