Linguagens

Níveis

Ajuda ao Vivo Através do Chat

 

Sobre este Site

Bem-vindo ao site eLearning da New Muslims. Este site é para muçulmanos recém-convertidos que desejam aprender sua nova religião de uma maneira fácil e sistemática. As aulas estão organizadas em níveis. Então, primeiro vá para a lição 1 do nível 1. Estude-a e depois faça o seu teste. Quando for aprovado, vá para a lição 2 e assim por diante. Felicidades.

Comece Aqui

É altamente recomendável registrar-se para que suas notas e progresso sejam salvos.  Então, primeiro registre-se aqui, depois comece com a lição 1 no nível 1 e daí em diante passe para a próxima lição. Estude ao seu gosto. Cada vez que retornar a este site, clique no botão “Leve-me onde estava” (disponível apenas para usuários registrados).

O código de vestimenta islâmico (parte 3 de 3): oração e sabedoria

Descrição: Uma continuação dos pareceres da awrah, incluindo o que vestir ao rezar e uma breve descrição da sabedoria inerente ao código de vestimenta islâmico.

Por Aisha Stacey (© 2012 IslamReligion.com)

Publicado em 06 Dec 2019 - Última modificação em 24 Mar 2013

Impresso: 3 - Enviado por E-mail: 0 - Vizualizado: 349 (média diária: 1)

Categoria: Lições > Estilo de Vida, Valores Morais e Práticas Islâmicas > Código de Vestimenta


Objetivos da lição:

·        Entender o que homens e mulheres devem cobrir durante a oração.

·        Entender a sabedoria básica por trás do código de vestimenta.

Termos em árabe:

·        Awrah – As partes do corpo que devem ser mantidas cobertas.

·        Mahram – Uma pessoa, homem ou mulher relacionada a um indivíduo em particular por sangue, casamento ou amamentação. Uma pessoa com quem ele ou ela não tem permissão para se casar, como pai, sobrinho, tio, etc.

·        Haya – Timidez natural ou inerente e um senso de modéstia.

·        Hijab – A palavra hijab possui vários significados diferentes, incluindo ocultar, esconder e tela. Geralmente refere-se ao lenço na cabeça de uma mulher e, em termos mais amplos, a roupas e comportamentos de modéstia.

·        Masjid - O termo árabe para mesquita.

Na lição 2, discutimos a awrah entre diferentes grupos de pessoas. Esta tabela útil te ajudará entender as regras sensíveis e não complicadas.

OS PARECERES DA AWRAH ~

(O QUE PODE SER DESCOBERTO)

MARIDO

Não existe awrah entre cônjuges.

MAHRAM

Aquilo que normalmente é visível, tal como seu cabelo, rosto, pescoço, braços, pernas abaixo dos joelhos.

NÃO-MAHRAM 

Rosto e mãos.

MUÇULMANAS

Aquilo que normalmente é visível, como seu cabelo, rosto, pescoço, braços, ombros e pés.

NÃO- MUÇULMANAS

Os sábios diferem. Alguns permitem o mesmo tipo de cobertura de quando estão em frente a outras muçulmanas; outros recomendam cobertura mais restrita, dependendo da situação.

CRIANÇAS PEQUENAS

A mesma de quando está em frente a muçulmanas.

CRIANÇAS MAIS VELHAS (MEMBROS DA FAMÍLIA)

A mesma de quando está em frente a mahram.

CRIANÇAS MAIS VELHAS (NÃO SÃO MEMBROS DA FAMÍLIA)

A mesma que para não-mahram.

 

A awrah ao rezar

IslamicDress03.jpg

Nas duas primeiras lições, aprendemos muitos termos novos e tentamos assimilar muitas informações novas. Agora, mudamos o foco para o que vestir ao rezar. Rezar é algo que todo muçulmano faz pelo menos cinco vezes por dia. Isso é mais do que alguns momentos de contemplação silenciosa - é o momento em que um indivíduo está conectado ao Criador do Universo – Allah. Para esse prazer, faz sentido querer parecer e sentir o nosso melhor.

 Quando chega a hora de uma mulher rezar, uma das condições que devem ser cumpridas para que sua oração seja válida é que ela cubra sua awrah

“...Ó filhos de Adão! Tomai vossos ornamentos, em cada mesquita (ou seja, usando roupas limpas ao rezar) ...” (Alcorão 7:31) 

O Profeta disse, 'Allah não aceita a oração de uma mulher que chegou à puberdade a menos que ela use um véu.'

awrah de uma mulher ao rezar é a mesma de quando ela está em frente de não-mahram. (Por favor, veja a tabela acima). No entanto, é perfeitamente aceitável que uma mulher use uma peça larga e folgada sobre suas roupas de casa, presumindo que esteja rezando na privacidade de sua casa. Se ela estiver rezando no masjid, é claro que estará vestindo roupas que sejam aceitáveis na frente de estranhos.

Para que a oração de um homem seja válida, ele também deve cobrir sua awrah, que vai do umbigo aos joelhos. No entanto, como o Islam é uma religião muito preocupada com a coesão da comunidade e o respeito pelos outros, o homem deve sempre estar ciente de onde está. De acordo com o espírito da haya, é sempre aconselhável que um muçulmano (homem ou mulher) seja cauteloso com relação às coisas que podem afetá-lo ou às pessoas ao seu redor.

É desejável que o homem use perfume quando estiver diante de seu Senhor para rezar. As mulheres devem ter cuidado com esse ponto. Embora seja permitido, mesmo desejável que ela use perfume em casa, não é aceitável que sua pele ou suas roupas estejam perfumadas se ela quiser rezar no masjid.

“Se qualquer uma de vós comparecer à oração da noite, que ela não toque em perfume."[1]

A sabedoria por trás do código de vestimenta islâmico

Existe uma grande sabedoria no código de vestimenta islâmico. Para vê-lo e entendê-lo claramente, é preciso lembrar alguns conceitos básicos. Primeiro e acima de tudo, que o Islam foi revelado para todas as pessoas, em todos os lugares, em todos os momentos. Assim, o que está dentro ou fora de moda não é relevante. 

Segundo, o Islam é uma religião holística preocupada com a saúde física, espiritual e emocional da humanidade, e não apenas para cada indivíduo, mas para a comunidade ou a sociedade como um todo. Isso envolve respeito; para Allah, um para o outro e para si mesmo.

Terceiro, é necessário um código de vestimenta para homens e mulheres, o Islam não coloca a responsabilidade inteiramente em um gênero e, de fato, os versículos referentes aos homens foram revelados primeiro. No entanto, homens e mulheres são ordenados a baixar o olhar e proteger a modéstia; e espera-se que homens e mulheres criem um ambiente social saudável, com moral, maneiras e valores construtivos.

O termo hijab, é mais que um lenço e mais que um código de vestimenta. É um termo que denota vestimenta e comportamento modestos. Por exemplo, se uma muçulmana estivesse coberta corretamente, mas ao mesmo tempo usasse linguagem inapropriada, ela não estaria cumprindo os requisitos do hijab. Se um muçulmano estivesse coberto do umbigo até o joelho, mas andando em público chamando a atenção para si mesmo ou se comportando com grosseria, ele também não estaria se comportando de maneira adequada. 

As mulheres que usam hijab apontam muitos benefícios a serem obtidos ao aderir ao código de vestimenta islâmico. Alguns descrevem o uso do hijab como sendo "libertador" das expectativas irreais da sociedade. Elas não são mais vistas como objetos sexuais, mas são desejadas por seu intelecto. Elas não são mais valorizadas por sua aparência ou formato corporal, mas por sua personalidade e caráter. As mulheres que usam hijab relatam que ele minimiza o assédio sexual no local de trabalho.

 Muitas mulheres relatam que as pessoas (muçulmanas e não muçulmanas) estão mais inclinadas a mostrar boas maneiras em relação a uma mulher de véu. Os homens abrem as portas, renunciam aos assentos nos transportes públicos, pedem desculpas pela boca suja e se oferecem para carregar mantimentos e muitas outras pequenas gentilezas que antes eram parte normal da vida na maioria das comunidades ocidentais.



Nota de Rodapé:

[1] Sahih Muslim

Ferramentas da Lição
RuimÓtimo  Avalie
| More
Deixe-nos sua Opinião ou Pergunta

Além disso, você poderá perguntar através do chat ao vivo disponível aqui.